Sem desculpas
De mansinho

Envelopes e previsões

O desemprego em Portugal tem descido e o emprego tem subido, nos últimos trimestres, sem que tenha havido uma recuperação do investimento. Ora isso só pode significar que o grau de utilização da Resultado de imagem para back of envelopecapacidade produtiva instalada aumentou. As crises financeiras têm precisamente um impacto negativo no grau de utilização da capacidade produtiva e esse efeito foi claro em Portugal, efeito agravado ainda pelas fortes medidas contracionistas do período da troika. A evolução positiva do desemprego (e do emprego) pode indicar que o ciclo negativo em que a economia portuguesa se encontrava foi interrompido, ainda antes da recuperação do investimento, que se espera venha a acontecer em breve. Repetido de há uns dias, escrito aqui. Há as previsões cheias de modelos e há as previsões nas costas de envelopes. Com a instabilidade do mundo, a globalização, a economia nova, a robotização, as últimas podem ser melhores. Hoje soubemos o que aconteceu à economia portuguesa, no terceiro trimestre deste ano. Ainda bem. Há dias, nas costas de um envelope, dizia-se isto: “ Esperemos pelas cenas dos próximos capítulos, desconfiando de quem tem certezas. 

Comments

Feed You can follow this conversation by subscribing to the comment feed for this post.

Verify your Comment

Previewing your Comment

This is only a preview. Your comment has not yet been posted.

Working...
Your comment could not be posted. Error type:
Your comment has been posted. Post another comment

The letters and numbers you entered did not match the image. Please try again.

As a final step before posting your comment, enter the letters and numbers you see in the image below. This prevents automated programs from posting comments.

Having trouble reading this image? View an alternate.

Working...

Post a comment

Your Information

(Name is required. Email address will not be displayed with the comment.)