Dia sim
Na curva

Mudem lá isso

Dantes, como sempre é dantes, os intelectuais tinham outro gabarito. Ou, pelo menos, cartolas e chapéus de coco. Cem anos depois do pessimismo que espalharam, cheios de ciência e conhecimento - e ironia -, a economia portuguesa não só havia acompanhado como se havia aproximado da grande Europa. Erraram no prognóstico económico, para bem dos seus herdeiros. Na política, nem tanto mas, mesmo assim, ainda em 1974 Portugal deu um exemplo ao mundo. Hoje, os que há cinco ou quatro anos erraram na economia estão outra vez a ser ouvidos, como se nada fosse. A economia, essa, está aí para surpreender os mais incautos. Moral da história, o medo económico é uma péssima arma de política económica. Mas óptimo para manter tudo na mesma. O que não acontecerá.

Comments

Feed You can follow this conversation by subscribing to the comment feed for this post.

Verify your Comment

Previewing your Comment

This is only a preview. Your comment has not yet been posted.

Working...
Your comment could not be posted. Error type:
Your comment has been posted. Post another comment

The letters and numbers you entered did not match the image. Please try again.

As a final step before posting your comment, enter the letters and numbers you see in the image below. This prevents automated programs from posting comments.

Having trouble reading this image? View an alternate.

Working...

Post a comment

Your Information

(Name is required. Email address will not be displayed with the comment.)